Crédito: FreePick

A Wise (ex-Transferwise), empresa de tecnologia financeira global especializada em envio de dinheiro internacionalmente, anuncia uma redução média de 40% no valor da tarifa para os clientes que queiram enviar dinheiro para o exterior. A queda das taxas varia de acordo com o montante enviado e a moeda de destino. Em média, a Wise reduziu suas taxas para 0,9% para quem envia dinheiro do Brasil.

Além da redução no valor da tarifa, a empresa também começou a incorporar um novo método de pagamento à plataforma e, nos próximos meses, todos os clientes poderão realizar pagamentos via cartão de crédito, além de boleto e transferência bancária (TED).

A novidade é o primeiro resultado da empresa após o início da operação sob a licença de corretora de câmbio autorizada pelo Banco Central no começo do ano.

A Wise chegou a ter os serviços de remessas suspensos no país no início do ano, depois de rescisão de sua parceria com o MS Bank, banco de câmbio com o qual tinha acordo para fazer a operação do serviço. Na época, houve troca de acusações sem apresentação de provas.

A fintech global com sede em Londres, que processa cerca de US$ 6,5 bilhões em remessas a cada mês, de mais de 10 milhões de pessoas físicas e empresas, é uma das maiores da Europa, com valuation de US$ 5 bilhões na sua última rodada de captação, em julho de 2020.