Pilhas de moedas enfileiradas formam gráfico ascendente

Crédito: Freepik

A projeção do mercado financeiro para a inflação ultrapassou os 6%, de acordo com o último boletim Focus, divulgado pelo Banco Central nesta segunda-feira, 5. A estimativa da inflação medida pelo Índice Nacional de Preços ao Consumidor Amplo (IPCA) subiu de 5,97% para 6,07%.

As previsões para o crescimento da economia se mantiveram em crescimento pela 11ª semana consecutiva. A projeção do Produto Interno Bruto (PIB) ficou em 5,18%, contra 5,05% no levantamento anterior.

Mesmo com a projeção da Selic sendo mantida em 6,50% neste ano, com previsão de aumento de 0,75 p.p. na próxima reunião do Copom, a expectativa para a taxa básica de juros em 2022 foi elevada de 6,50% para 6,75%.

No que diz respeito às expectativas para o câmbio, o mercado prevê que o dólar deve encerrar dezembro negociado a R$ 5,04, ante R$ 5,10 estimados na semana anterior, e deve fechar 2022 a R$ 5,20, sem alterações relativas ao último relatório.